Dybala e Roma: o renascimento da ‘Joya’

A estrela de Paulo Dybala estava apagada em Turim, mas a confiança encontrada em Roma e as boas condições físicas do jogador argentino ajudaram a fazer seu brilho voltar ao que era antes. Um dos principais talentos do atual plantel giallorosso, a “Joya” marcou quatro gols e deu duas assistência em oito partidas disputadas na temporada.

Sombra de Cristiano Ronaldo durante a passagem do português pela Juventus, Dybala viu sua carreira entrar em um contínuo declínio desde a temporada 2018/19. Os problemas físicos sofridos e as lágrimas no dia da despedida da Velha Senhora ficaram no passado e deram lugar a um sorridente jogador, que vem demonstrando estar muito feliz em sua aventura na capital italiana.

O argentino parece que tirou um grande peso de suas costas, pois entra em campo com serenidade e bastante confiança dos companheiros de equipe, do técnico José Mourinho e, principalmente, da torcida da Roma. A festa protagonizada pelos giallorossi na chegada de Dybala mostrou o enorme carinho pelo atacante e as imagens da recepção rodaram o planeta.

Além da falta de confiança, a “Joya” mostrava um futebol carente de personalidade, mas o excelente trabalho de Mourinho, um especialista em motivar atletas, recuperou o que faltava em Dybala. O estilo de jogo da Roma oferece maior liberdade ao argentino, que se transformou em um verdadeiro e extremamente perigoso meia-atacante, podendo tirar da cartola em qualquer momento um gol, um passe ou uma bela jogada nas manobras ofensivas.

A função cumprida por Dybala em Roma é bem diferente daquela que precisou exercer nos últimos anos na capital da região do Piemonte, onde permanecia enclausurado no flanco direito e sem brecha para desenvolver um papel mais efetivo no setor ofensivo.

Em pouco tempo na Cidade Eterna, a estrela argentina foi capaz de acumular bons números, como a melhor média de chances perigosas criadas e a terceira melhor marca da carreira em minutos/gols, somando 153 contra os 130 da sua temporada mais eficaz pela Juventus. Além disso, Dybala não perdeu nenhum jogo por causa de lesão, o que mostra um excelente avanço em sua condição física.

A Roma foi bastante feliz em encontrar disponível no mercado de transferência um jogador de alto calibre que tem condições de levá-la a alcançar voos maiores em um breve futuro. O melhor foi ter conseguido contratar Dybala sem custos e atualmente ver ele rendendo bons frutos em campo.

SHARE