Talismã da Roma, Tammy Abraham é principal arma de José Mourinho na capital

Com 24 gols em 44 partidas disputadas, o atacante Tammy Abraham caiu nas graças da torcida da Roma e vem conseguindo demonstrar um futebol de alto nível na capital italiana. O jogador britânico se transformou na principal arma da equipe comandada pelo português José Mourinho na atual temporada.

Abraham desembarcou na Itália em agosto passado e não demorou para se encaixar na Roma, que pagou 40 milhões de euros para tirar o atleta de 24 anos de idade do Chelsea. Principal líder do ataque romano, o inglês mostra consistência em suas exibições e muita fome de ser cada vez mais protagonista e importante no agressivo estilo de jogo da equipe de Mourinho.

O jovem britânico nos demonstra que tem a Roma dentro do seu coração, principalmente pela personalidade e caráter em campo. Sempre pronto para a batalha, Abraham mostra muita entrega durante os 90 minutos e em um período de seis meses superou simplesmente Gabriel Batistuta e Vincenzo Montella, que marcaram 21 gols em sua primeira temporada com a camisa giallorossa. O ex-Chelsea, por sua vez, encontrou as redes 24 vezes.

Além de superar dois grandes ídolos da Roma, o centroavante conseguiu quebrar uma marca que durava pouco mais de nove décadas. Abraham se tornou o primeiro jogador do clube da capital a fazer 24 gols em uma mesma temporada desde 1929, quando o ex-jogador croata Rodolfo Volk (1906-1983) estabeleceu o recorde quase centenário.

A chegada de Abraham foi muito influenciada pelo “Special One“, que convenceu a Roma gastar grande parte de seu orçamento para o mercado de transferências em um único atleta. O negócio foi muito positivo ao clube da capital, mas Mourinho já declarou em entrevistas que o jogador pode render ainda mais.

Sei que ele tem potencial para fazer ainda mais. Não foram apenas os gols, mas a forma como pressionou, lutou, seguiu e defendeu a bola. Exijo muito do Tammy porque sei o que ele pode dar, não é só uma questão de gols, Tammy tem que condições de jogar todos as partidas com essa atitude“, comentou o comandante português após o “Derby della Capitale“.

De acordo com um levantamento da plataforma WhoScored, Abraham tem uma média de 1,1 passes importantes por jogo, 2,9 arremates por confronto e venceu 2,3 duelos aéreos por rodada. O britânico evoluiu diversos pontos, mas principalmente seu posicionamento dentro da grande área adversária. As performances do ex-Chelsea colocaram a Roma para brigar firmemente por uma vaga na próxima edição da Liga dos Campeões.

Os torcedores da Roma ganharam um novo talismã, que deu uma vitória no clássico contra a Lazio, anima os fãs durante os jogos, canta o hino do clube e supera recordes de outros grandes ídolos. Para muitos, o sucesso de Abraham foi uma grande surpresa, pois ele era a terceira ou quarta escolha entre os atacantes dos Blues. No entanto, o britânico sempre teve uma veia goleadora, tendo em vista os mais de 20 gols marcados em uma única temporada por Aston Villa e Bristol City.

Além de auxiliar a Roma, a boa fase de Abraham abriu caminho para a chegada de mais jogadores ingleses na Serie A, que é caracterizada por ser uma liga muito fechada para atletas da terra da rainha por fatores econômicos e culturais. A situação mudou completamente, tanto que é possível acompanhar na principal divisão do futebol do Belpaese Luis Binks (Bologna), Ronaldo Vieira (Sampdoria), Fikayo Tomori (Milan), Ainsley Maitland-Niles (Roma) e Axel Tuanzebe (Napoli).

SHARE