Em confusão no Dragão, FC Porto mantém liderança frente ao Sporting

O Sporting chegou a abrir dois gols de vantagem frente ao FC Porto contudo sedeu o empate frente ao líder da Liga Portugal. Com a bola rolando o com destaque do Porto foi Fábio Vieira contudo o clássico ficou marcado por uma confusão que resultou na expulsão de quatro jogadores.

Pela 22ª rodada, O clássico entre os Dragões e os Leões foi de muita tensão e fundamental importância para sequência do campeonato. Após o empate com gols de Paulinho e Nuno Santos, do Sporting, e Fábio Vieira e Taremi pelo lado portista.

As equipes mantém a mesma distância de seis pontos sendo o Porto líder agora com 60 pontos enquanto o Sporting de Lisboa chegou aos 54 pontos e segue na vice-liderança da Liga Portugal.

O jogo entre o líder e o vice-líder teve muita qualidade, emoção, rivalidade e uma confusão ao final da partida que iniciou pela insatisfação da expulsão de Coates ainda no começo da segunda etapa tendo deixado o Sporting com dez jogadores em todo o segundo tempo.

Ao final do jogo teve o início de uma confusão entre jogadores, comissão técnica e até alguns dirigentes de ambos os lados do clássico que resultou mais três expulsões incluindo o zagueiro Pepe pelo lado portista e João Palinha e Bruno Tabata dos leões. O goleiro reserva do FC Porto, Agustín Marchesín, também foi expulso na confusão.

As duas equipas voltarão a se encontrar em mais dois jogos nesta época pela semi-final da Taça de Portugal e as polêmicas declarações do presidente Frederico Varandas frente aos 40 anos de mandato do dirigente portista, Jorge Nuno Pinto da Costa, aquecem os bastidores em Portugal.

O JOGO

Apesar de maior volume de jogo pelo lado dos donos da casa, foi o Sporting que balançou as redes logo aos 7’minutos da primeira etapa com Paulinho que recebeu assistência de Matheus Reis. O Sporting fez um primeiro com apenas 4 chutes a gol frente aos 9 remates do Porto entretanto a time de Ruben Amorim foi letal em suas oportunidades criadas e chegou ao segundo gol aos 34′ minutos com Nuno Santos que recebeu do espanhol Pablo Sarabia após belíssima jogada criada pelo lado visitante.

A reação portista veio rápido, aos 38′ o jovem Fábio Vieira acertou um bonito chute de chapa no canto direito do gol sportinguista apareceu novamente tabelando em profundidade com Taremi.

Na volta do intervalo, o líder do setor defensivo do Sporting , Sebastián Coates, foi expulso após segundo cartão amarelo o que facilitou mais as jogadas ofensivas dos donos da casa que chegaram ao empate aos 78’minutos após boa jogada de Fábio Vieira que cruzou para o iraniano Mehdi Taremi marcar de cabeça o empate e dar números finais ao clássico. Final: FC Porto 2 x 2 Sporting.

SHARE