Julián Álvarez: a joia do River Plate

Com certeza um dos jogadores que mais chamaram atenção no ano de 2021 no futebol sul-americano foi Julián Álvarez, o destaque do título argentino do River é um dos jogadores mais promissores do futebol argentino e da América, inclusive sendo eleito o melhor jogador do continente segundo o jornal “El Pais” desbancando Gabriel Barbosa e Gustavo Gómez.

O atacante em 67 jogos marcou 29 gols e 16 assistências, e possui indicadores de topo para jogadores da sua posição, quer saber mais? Então bora pra análise!

Funcionamento na equipe do River Plate

Álvarez é um tipo de camisa 9 de muita participação e proatividade, nas primeiras fases de construção da equipe de Gallardo ele sempre sai de sua posição para ajudar a equipe, flutuando bastante no corredor central e lateral do campo, no River ele joga fazendo uma dupla de ataque com Braian Romero.

Principais indicadores

Julian se destaca principalmente pela sua leitura de espaços, um dos seus indicadores principais é o domínio orientado, que é o jogador já dominar antecipando sua próxima ação, sempre fazendo isso com muita assertividade.

Sua ambidestria tambem chama muita atenção, apesar de ser destro, o argentino mesmo quando coagido e sem a possibilidade de bater com a sua perna boa, consegue finalizar com a esquerda com muita qualidade, ele tem a capacidade de condicionar a sua finalização, outro indicador muito marcante em seu jogo.

Os chutes de fora da área também são uma das características do seu repertório, inclusive um de seus gols mais marcantes com a camisa do River é contra o Boca Juniors pelo campeonato argentino da última temporada dessa maneira.

Como disse acima, Julián é um 9 que se movimenta muito, e outro indicador do seu jogo são os seus apoios frontais, ele faz a parede muito bem para tabelar com seus companheiros, sempre atraindo adversários e abrindo espaços nas defesas adversárias.

Julián Álvarez além de ser um 9 que baixa em corredor central, funciona muito bem rompendo as costas da última linha, atacando a profundidade, principalmente quando River está no último terço, é um dos recursos que a equipe mais utiliza, os fortes facões do argentino.

Ele se destaca também pela boa capacidade de pressionar os defensores adversários, ele sobe pressão muito bem, a equipe de Gallardo usa a pressão alta e em alguns momentos Julián sobe pressão diretamente nos adversários ou corta linhas de passe, sempre muito proativo com e sem a bola.

Com apenas 21 anos e um grande futuro pela frente, Julián Álvarez é certeza que estará presente nos próximos ciclos de Lionel Scaloni na seleção Argentina, com muitos indicadores positivos, a jóia do River Plate é certeza que em breve estará em um clube de topo europeu!

SHARE