Juventus perde no último minuto em ‘dia de visitantes’ na Serie A

Juventus derrotada em casa, Inter vencendo sem problemas e dupla Roma-Lazio com triunfos magros, porém importantes. Após a vitória do Milan, na terça (26), a 10ª rodada da Serie A teve continuidade nesta quarta, com um show das equipes visitantes. Simplesmente, quatro vitórias em seis jogos dos times que aturam longe dos domínios. E para resumir o que de melhor aconteceu nos duelos quentes no Italianão, venha com a gente neste resumo especial do MondoSportivo Brasil!

Sassuolo derruba Juventus no último lance

Sim, a vitória dos visitantes veio apenas no último ataque do jogo… mas calma aí! O Sassuolo fez um belíssimo jogo no Allianz Stadium, relembrando as boas atuações da temporada passada. Diante da Juventus, os neroverdi igualaram as ações, atacaram e também contaram com alguma dose de sorte para vencerem a Juve pela primeira vez em seus domínios. Antes, eram sete derrotas no histórico.

Davide Frattese abriu o placar logo antes do intervalo, com assistência de Defrel. Entretanto, de tanto insistir, a Vecchia Signora buscou a igualdade na etapa final. O brasileiro Kaio Jorge foi a campo e quase marcou de bicicleta. Depois, Cuadrado parou no zagueiro. Só então Weston McKennie furou o bloqueio rival com cabeçada após cobrança de falta de Paulo Dybala.

No entanto, a Juve vacilou no minuto derradeiro e sofreu o castigo. Méritos totais para Domenico Berardi, que recebeu a bola no meio, levantou a cabeça e deu lançamento primoroso para Maxime López. Com MUITA categoria – e sangue frio – o camisa 8 deu uma cavadinha por cima do goleiro Perin e calou o estádio da Juventus, em Turim. Acachapante.

Novamente, os bianconeri foram vazados na defesa. Já são 13 gols sofridos nesta Serie A, o que representa o pior desempenho defensivo desde 1989. Dessa forma, será muito difícil competir pelo título. Com 15 pontos, a equipe de Massimiliano Allegri breca sua recuperação e para nos 15 pontos, na 7ª colocação. Já o Sassuolo encostou, com 14 pontos, no 9º lugar, e agora vislumbra melhorar ainda mais.

Inter vence sem sustos na Toscana

Diante do Empoli, a atual campeã italiana não encontrou qualquer dificuldade. Foram dois gols válidos e mais três anulados. Isso, sem contar algumas outras chances desperdiçadas. D’Ambrosio abriu o placar no primeiro tempo, completando de cabeça uma bela assistência de Sánchez. Até aquele momento, o jogo já era favorável à Inter, mas tudo ficou mais fácil após o intervalo.

Isso porque Ricci deu uma entrada completamente bizarra (e violenta) em Barella, no meio de campo. O jogador do Empoli foi expulso e, daí em diante, os nerazzurri só administraram o jogo. Dimarco ampliou, com assistência de Lautaro Martínez, dando números finais ao duelo. 2 a 0. Bom triunfo da Inter, que segue em 3º e, ao menos, não perde Milan e Napoli de vista. A distância para o rival de Milão (e líder provisório) é, porém, considerável: sete pontos. Já o Empoli caiu para 12º lugar, mas mantém uma campanha decente.

Atalanta também leva a melhor fora de casa

Em Gênova, a Sampdoria sucumbiu novamente diante de um adversário mais forte. A equipe da casa até saiu na frente, com Caputo, mas levou a virada ainda no primeiro tempo. Aliás, foram dois gols semelhantes da Atalanta. Primeiro, Askildsen mandou contra as próprias redes. Depois, Zapata completou cruzamento de Zappacosta e, de cabeça, colocou a Dea na dianteira do placar. Algo que impressiona é como a bola aérea da Sampdoria é deficiente.

Na segunda etapa, menos emoções. Com o placar mantido até o fim, Josip Ilicic achou linda jogada individual e fuzilou para marcar o terceiro, já nos acréscimos. Fim de jogo, 3 a 1 para a Atalanta. O time comandado por Gaperini, portanto, volta à Bérgamo com 18 pontos e a 5ª colocação. Já a Samp segue com o sinal de alerta bem ligado. Isso porque o time tem apenas nove pontos e o 15º posto da Serie A.

Roma vira no sufoco contra lanterna Cagliari

O time comandado por José Mourinho precisou suar a camisa para vencer o pior time da Serie A. Na verdade, foi o Cagliari que saiu na frente, já no segundo tempo, após uma primeira etapa bastante sonolenta. Pavoletti marcou logo após o intervalo, mas a alegria do torcedor rossoblù durou pouco. Isso porque, de tanto martelar, a Roma conseguiu a virada. Antes, teve bola no travessão, defesa do goleiro e algumas boas chances perdidas. Enfim, após cobrança de escanteio, Roger Ibañez empatou.

O gol, obviamente, tinha que ser chorado. A bola bateu na trave direita, após a cabeçada do zagueiro romano e, então, atravessou a linha antes de entrar, caprichosamente, do outro lado. Sete minutos depois, a virada. Uma cobrança de falta primorosa de Pellegrini, que ainda fingiu que ia alçar a bola na área. Que nada! Batida direta, no ângulo, sem chances para Cragno. Com o triunfo por 2 a 1, a Roma chegou aos 19 pontos na Serie A, na 4ª colocação. O Cagliari, por sua vez, segue como lanterna, com apenas seis pontos.

Lazio bate Fiorentina mesmo sem brilhar

No Stadio Olimpico, Lazio e Fiorentina fizeram um duelo aquém das expectativas. Sem criatividade de ambos os lados, a etapa inicial custou a passar. No entanto, os primeiros dez minutos do tempo complementar bastaram para a Lazio. Numa bobeada da zaga Viola, Pedro saiu cara a cara com o goleiro e bateu bonito para abrir o marcador. Um gol achado, que foi suficiente para sacramentar o resultado por 1 a 0.

Sem Nico González, com Covid-19, a Fiorentina foi quase nula ofensivamente. Pelo lado defensivo, até fez um jogo decente, anulando as armas da equipe romana – com exceção do lapso no lance do gol. Enfim, os biancocelesti chegam a 17 pontos, na 6ª colocação. A Viola, porém, caiu na tabela e agora é 8ª, com dois pontos a menos que a rival desta quarta-feira.

Resultados da 10ª rodada da Serie A
  • Venezia 1-2 Salernitana
  • Spezia 1-1 Genoa
  • Milan 1-0 Torino
  • Sampdoria 1-3 Atalanta
  • Udinese 1-1 Verona
  • Juventus 1-2 Sassuolo
  • Cagliari 1-2 Roma
  • Empoli 0-2 Inter
  • Lazio 1-0 Fiorentina
  • Napoli ?-? Bologna (nesta quinta-feira, às 15h45)

Standings provided by SofaScore LiveScore

SHARE