Janela de transferências 2021/22: quais foram os números da Premier League?

Na última terça-feira (31), se encerrou mais uma janela de transferências na Europa. O que se esperava de ser um período de transações mais contido, mas não foi o que aconteceu. Dessa forma, grandes negócios, envolvendo os principais jogadores do mundo, foram os destaques de mais um período de chegadas e saídas, na preparação da temporada. Na Premier League, mais uma vez a liga mais valiosa do planeta foi a que mais gastou. Saiba abaixo os principais números do Campeonato Inglês nesse mercado. Os valores são do site Transfermarkt.

Janela de transferências da Premier League 2021/22

5 contratações mais caras dos clubes ingleses

Antes de mais nada, falaremos das cinco principais aquisições dessa janela de transferências na Premier League. Um fato interessante, é que duas dessas movimentações foram internas, ou seja, entre clubes da própria liga. Com isso, é interessante ver como o Campeonato Inglês consegue trazer competitividade entre seus clubes, com os mais ricos comprando das equipes médias, que também investem nesse valor. O caso que mais reflete isso é o Jack Grealish, jogador mais caro da história do futebol inglês. O Manchester City pagou cerca de 117 milhões de euros, o equivalente a 700 milhões de reais, para tirar o atleta do Aston Villa. E a equipe de Birmingham investiu quase todo o valor desta venda em novos reforços.

Como dito, Grealish foi a maior transação dessa janela na Premier League. Na sequência, vem Romelu Lukaku, que voltou ao Chelsea, vindo da Internazionale campeã da Serie A. Além disso, estão na lista Jadon Sancho e Raphael Varane, que se juntam ao Manchester United vindos de Borussia Dortmund e Real Madrid, respectivamente. Enfim, Ben White, zagueiro do Arsenal, chega aos Gunners em transferência junto ao Brighton. Cristiano Ronaldo, talvez o maior nome desta janela inglesa, que volta aos Red Devils, ficou na sexta posição.

  1. Jack Grealish: Aston Villa -> Manchester City – 117 milhões de euros
  2. Romelu Lukaku: Internazionale -> Chelsea – 115 milhões de euros
  3. Jadon Sancho: Borussia Dortmund -> Manchester United – 85 milhões de euros
  4. Ben White: Brighton -> Arsenal – 58 mihões de euros
  5. Raphael Varane: Real Madrid -> Manchester United – 47 milhões de euros

5 vendas mais caras da Premier League

A saber, Jack Grealish foi a maior transferência da história do futebol inglês. Por sua transferência ter sido entre dois clubes ingleses, Grealish também entra como a maior venda desta janela. Além disso, o Chelsea aparece duas vezes nesta lista, com as vendas de Tammy Abraham e Kurt Zouma. Assim como Grealish, Ben White também entra na lista de maiores vendas. Enfim, o outro nome que fecha a lista é o argentino Emiliano Buendia. O meia foi contratado pelo Aston Villa junto ao Norwich City, justamente para ser o substituto de Grealish.

  1. Jack Grealish: Aston Villa -> Manchester City – 117 milhões de euros
  2. Ben White: Brighton -> Arsenal – 58 mihões de euros
  3. Tammy Abraham: Chelsea -> Roma – 40 milhões de euros
  4. Emiliano Buendía: Norwich -> Aston Villa – 38 milhões de euros
  5. Kurt Zouma: Chelsea -> West Ham – 35 milhões de euros

https://twitter.com/ManCity/status/1426985746087522307?s=20

Equipes que mais gastaram

Na última janela de transferência, um dos fatos que mais surpreendem, é o Arsenal. A equipe londrina foi a que mais gastou nesse tempo. Ao todo, os Gunners desembolsaram cerca de 165 milhões de euros em contratações. Entretanto, nenhuma delas é considerada de grande patamar, mas sim como grandes apostas. Os Gunners trouxeram nomes como o goleiro Ramsdale, os zagueiros Tomiyasu e Ben White, os meias Odegaard e Lokonga, e o lateral Nuno Tavares. Enfim, na lista dos cinco primeiros, completam: Manchester United, Manchester City, Chelsea e Aston Villa.

Manchester City e Chelsea foram impulsionados nessa lista com as contratações de Grealish e Lukaku. Já o Manchester United se reforçou com nomes de peso como Cristiano Ronaldo, Varane e Sancho. Enfim, o Aston Villa usou o dinheiro da venda de Jack Grealish e trouxe Buendia, Leon Bailey e Danny Ings.

  1. Arsenal – 165 milhões de euros
  2. Manchester United – 140 milhões de euros
  3. Manchester City – 127,5 milhões de euros
  4. Chelsea – 120 milhões de euros
  5. Aston Villa – 99 milhões de euros

https://twitter.com/Arsenal/status/1433112557619974152?s=20

Equipes que mais receberam com vendas na Premier League

O Aston Villa foi a equipe que mais recebeu com as vendas nesta janela da Premier League. Ao todo, o time de Birmingham recebeu 127 milhões de euros nas saídas de jogadores do clube. Muito disso impulsionado pela transferência de Jack Grealish. 117 dos 127 milhões vieram da transação do meia inglês para o Manchester City.

Além disso, se somam a lista dos cinco que mais receberam com saídas Chelsea, Brighton, Southampton e Manchester City. Apesar da grande contratação de Lukaku, os Blues fizeram um bom dinheiro, principalmente com vendas para a Serie A e na Premier League. Exemplos de Tomori e Giroud, que foram para o Milan, Tammy Abraham, para a Roma e Kurt Zouma, para o West Ham. O Brighton entra nessa lista principalmente pela transferência de Ben White para o Arsenal, e o Southampton faturou com vendas de Ings, Vestergaard e Lemina.

Enfim, o Manchester City faturou com algumas vendas de jogadores que já estavam emprestado para outros clubes. São eles: Nmecha, que foi vendido ao Wolfsburg, Angeliño, que agora joga em definitivo pelo Leipzig e Jack Harrison, ponta do Leeds United

  1. Aston Villa – 127 milhões de euros
  2. Chelsea – 122 milhões de euros
  3. Brighton – 62 milhões de euros
  4. Southampton – 60 milhões de euros
  5. Manchester City – 38,8 milhões de euros

Equipes com lucro na janela

Novamente, o Aston Villa lidera este quesito. Os Villains conseguiram fazer um bom mercado, impulsionados pela venda de Jack Grealish. Foram 117 milhões de euros recebidos e 108 milhões de euros gastos, para repor e reforçar o seu elenco. Com isso, o time de Birmingham foi o que mais lucrou na Premier League, com algo próximo de 27 milhões de euros. Completam a lista Brighton, Southampton, Everton e Wolverhampton e Chelsea. Dessa forma, apenas estas seis equipes obtiveram lucro na janela.

Como citados, Brighton e Southampton foram impulsionados por grandes vendas e algumas reposições mais baratas. Os Saints se reforçaram principalmente com Adam Armstrong, ex-Blackburn, o brasileiro Lyanco, ex-Torino e o francês Perraud, vindo do Brest. O Brighton trouxe Mwepu, Cucurella, vice-campeão olímpico pela Espanha e Sima, como principais reforços.

Everton e Wolves lucraram com algumas vendas e empréstimos de nomes importantes de seus elencos, mas que não estavam em parte dos planos. Moise Kean saiu dos Toffees para retornar a Juventus, em empréstimo de sete milhões de euros. Em compensação, a equipe de Liverpool trouxe nomes conhecidos do futebol inglês, como Townsend e Begovic, a custo zero, e Demarai Gray, ex-Leicester e Leverkusen, pagando dois milhões de euros.

Os Wolves tiveram as vendas de Rafa Mir, destaque da Espanha nos Jogos Olímpicos e Rui Patrício, que agora é goleiro da Roma. Enfim, as chegadas principais foram do zagueiro Mosquera, do Atletico Nacional da Colômbia, do arqueiro José Sá, ex-Olympiacos e do lateral Nouri, do Angers, estes com valores de compra. Outros nomes como Trincão e Hwang, vieram de empréstimos junto a Barcelona e Leipzig, respectivamente.

  1. Aston Villa – 27 milhões de euros
  2. Southampton – 17 milhões de euros
  3. Everton – 6 milhões de euros
  4. Brighton – 5,5 milhões de euros
  5. Wolves – 5,2 milhões de euros
  6. Chelsea – 2,3 milhões de euros

https://twitter.com/AVFCOfficial/status/1429494072318717960?s=20

Equipes com maior saldo negativo na janela da Premier League

Manchester United e Manchester City

Enfim, fechamos a lista com as equipes que mais tiveram saldo negativo nesta janela. Para algumas, isso não significa muito, visto que são clubes muito ricos e com grande poder aquistivo. Já outras é de se ligar o valor e questionar um alto valor investido, mas com pouco retorno financeiro na janela de transferências. Arsenal, Manchester United, Manchester City, West Ham e Crystal Palace, fazem parte da lista.

Manchester United e Manchester City são duas das equipes mais ricas de todo futebol mundial. Dessa forma, é normal acreditar os clubes do norte da Inglaterra sempre investirão alto e forte, mas pelo valor de mercado e da marca dos clubes não terão tanto a perder com os altos valores gastos.

West Ham

O West Ham foi uma das equipes que mais gastou na janela. Os Hammers ficaram atrás apenas das cinco equipes que foram listadas acima no texto, e teve pouco faturamento com saídas. As chegadas foram impulsionadas com dois nomes que custaram acima dos 30 milhões de euros: Kurt Zouma, vindo do Chelsea e Nikola Vlasic, do CSKA Moscou. Apenas a saída do brasileiro Felipe Anderson, por três milhões de euros, trouxe um valor aos londrinos.

Crystal Palace e Arsenal

Enfim, Crystal Palace e Arsenal preocupam nessa lista. Primeiramente, os Gunners investiram muito, mas em nomes que não são unânimes, como já foram citados. Além disso, foram apenas 30 milhões de euros faturados com saídas, o que é pouco comparado aos 165 milhões de euros gastos na janela.

E mais do que isso, apenas duas saídas trouxeram dinheiro para a equipe: a venda de Willock para o Newcastle por 29 milhões de euros e o empréstimo de um milhão e 500 mil euros de Torreira para Fiorentina. Nomes como Willian, David Luiz, Guendouzi, Bellerin, Nelson, entre outros, saíram por rescisão de contrato, ou empréstimo.

Já o Crystal Palace não teve uma venda nessa reformulação do elenco, agora treinado por Patrick Vieira. Todas as saídas foram por empréstimo ou a custo zero, como Townsend, Gary Cahill, van Aanholt e Sakho, que jogavam com certa frequência. Além disso, foram 73 milhões de euros investidos em Edouard, vindo do Celtic, Andersen, do Lyon, Guehi, da base do Chelsea e Olise e Hughes, vindos de boa temporada na Championship.

  1. Arsenal: – 134 milhões de euros
  2. Manchester United: – 109 milhões de euros
  3. Manchester City: – 88 milhões de euros
  4. Crystal Palace: – 73 milhões de euros
  5. West Ham: – 71 milhões de euros

https://twitter.com/CPFC/status/1431245794158551041?s=20

SHARE