Wolfsburg 100% e a máquina Lewandowski: a 3ª rodada da Bundesliga

Rodada 3 da Bundesliga

BORUSSIA DORTMUND 3 X 2 HOFFENHEIM

Gols: Reyna (49’), Bellingham (69’) e Haaland (90’+1) // Baumgartner (61’) e Dabbur (90’)

Borussia Dortmund e Hoffenheim abriram a rodada na sexta-feira (27) e fizeram o jogo mais emocionante do fim de semana na Alemanha. Foi um baita jogo de futebol, com duas equipes muito parelhas e que mantiveram a disputa em aberto até o final. O gol salvador (e improvável) do Dortmund veio com Haaland, nos acréscimos, um minutos depois de sofrer o empate.

Os visitantes nunca estiveram à frente no placar, mas não se deram por vencido em momento algum e fizeram boa partida comandados por Kramaric no ataque e Baumann lá atrás. O croata, apesar de ter saído zerado em gol e assistência, fez, novamente, um bom jogo e só foi parado na boa atuação do goleiro do outro lado, Gregor Kobel.

Com a vitória dentro de casa, os aurinegros voltaram a bater o Hoffe em seus domínios após três jogos e ainda tirou a invencibilidade deles no campeonato. Apesar de ter concedido um empate na reta final, demonstrou uma capacidade de reação instantânea para garantir a vitória no lance seguinte e explodir o Westfalenstadion.

AUGSBURG 1 X 4 BAYER LEVERKUSEN

Gols: Niederlechner (30’) // Iago (3’) (GC), Niederlechner (14’) (GC), Schick (75’) e Wirtz (81’)

Em um dos jogos mais bizarros desta Bundesliga, o Bayer Leverkusen manteve a escrita histórica e segue sem perder para o Augsburg. A partida foi marcada muito pelos erros defensivos, principalmente do time da casa.

Assim como foi na rodada anterior, o Leverkusen conseguiu uma vantagem de 2 a 0 muito cedo e pôde administrar a partida a partir disso. No entanto, dessa vez, foi até presenteado pelo adversário com dois gols contra. Primeiro, o lateral esquerdo, Iago, ao tentar tomar a frente de Schick e afastar o perigo de sua área, acabou fazendo um golaço (contra) de cobertura. Poucos minutos depois, Demirbay cruzou uma bola rasante na área e Niederlechner acabou desviando contra a própria meta.

Todavia, ainda houve tempo do Bayer devolver o favor e “entregar” um gol para o Augsburg. Aos 30, em uma bola cruzada na área pela esquerda, Bakker se enrolou com o goleiro Hrádecký, os dois furaram a bola e Niederlechner estava lá para conferir e se redimir do gol contra. 

No segundo tempo, Schick ampliou a vantagem, marcando seu segundo gol nesta edição, e já na reta final, em mais um erro defensivo, dessa vez do goleiro Gikiewicz ao sair mal na bola, o atacante Wirtz o driblou e finalizou ainda de fora da área para concluir a goleada.

COLÔNIA 2 X 1 BOCHUM

Gols: Louis Schaub (82’) e Lemperle (90’+1) // Zoller (90’+4)

O Colônia fez seu dever de casa e venceu o recém-promovido, Bochum, por 2 a 1. Foi mais uma partida agradável do time da casa que vem querendo mostrar que, dessa vez, não irá brigar nas últimas posições. Foi apenas uma derrota (contra o Bayern) nos últimos onze jogos disputados. E, apesar dos gols terem saído só na reta final, os ‘Bodes’ ainda tiveram um gol anulado pelo VAR na primeira etapa e duas bolas na trave ao decorrer do jogo.

ARMINIA BIELEFELD 1 X 1 FRANKFURT

Gols: Wimmer (86’) // Hauge (22’)

No confronto dos dois times que ainda não haviam vencido na competição, deu empate. É um início preocupante para ambas as equipes, mas principalmente para o Frankfurt, que tem como projeção brigar por vaga em competições europeias.

De positivo para as ‘Águias’, só as boas atuações de Petter Hauge. O jovem de 21 anos chegou por empréstimo do Milan nesta janela e já marcou dois gols em três jogos. Além disso, parece já ter ganhado a titularidade após a boa estreia com gol contra o Borussia Dortmund

MAINZ 05 3 X 0 FÜRTH

Gols: Lucoqui (15’), Szalai (18’) e Stöger (90’+2)

O Mainz, que perdeu para o Bochum na última rodada, dessa vez venceu o Fürth, outra equipe que veio da segunda divisão, e encerrou a estatística de que não vencia um time recém-promovido há sete jogos.

A pressão inicial do time da casa foi o suficiente para impor um 2 a 0 logo cedo e, praticamente, garantir a vitória. A modesta equipe do Fürth ainda ensaiou uma reação na segunda etapa, mas finalizou mal suas jogadas e não conseguiu nem o seu gol de honra.

STUTTGART 2 X 3 FREIBURG

Gols: Mavropanos (45’) e Al Ghaddioui (45’+2) // Jeong (3’), (9’) e Höler (28’)

O Freiburg é uma das gratas surpresas desta edição. Está invicto (2V e 1E) e após esta vitória atingiu o seu melhor início de Bundesliga da história. 

Enquanto os visitantes atingiram duas vitórias consecutivas, o Stuttgart chegou a sua segunda derrota seguida. Sua fragilidade defensiva foi determinante para o resultado final; permitiu dois gols ao adversário antes dos dez minutos e aos 30 minutos do primeiro tempo já perdia por 3 a 0. Os dois gols nos acréscimos da primeira etapa deram esperanças para os torcedores, mas nos 45 minutos finais a equipe não jogou bem, quase sofreu o quarto gol e não conseguiu finalizar uma bola na direção do gol.

BAYERN DE MUNIQUE 5 X 0 HERTHA BERLIN 

Gols: Müller (6’), Lewandowski (35’), (70’), (84’) e Musiala (49’)

O Bayern bateu o Hertha Berlin sem muitas dificuldades, mais uma vez com protagonismo do seu craque, Robert Lewandowski. O artilheiro bávaro fez uma partida brilhante, batendo várias estatísticas e marcou um hat-trick. Atingiu 300 gols com a camisa do Gigante da Baviera, marcou pelo 13º jogo seguido na Bundesliga e comandou o time para a vitória.

Além dele, Müller e Musiala completaram a goleada. O garoto Musi, de apenas 18 anos, foi titular na partida e fez valer a aposta de Nagelsmann. Vem pedindo passagem e aproveitando as oportunidades e as oscilações de Sané e Coman.

O Hertha deve ligar o sinal de alerta pois é a única equipe que ainda não pontuou na competição e amarga a última colocação.

UNION BERLIN 2 X 1 BORUSSIA M’GLADBACH

Gols: Giesselman (22’) e Awoniyi (41’) // Hofmann (90’+1)

O Union Berlin teve uma grande semana, pois garantiu sua vaga na fase de grupos da Conference League e conseguiu sua primeira vitória nesta Bundesliga contra um bom adversário.

O Gladbach, por sua vez, preocupa porque ainda não venceu no campeonato e já acumula um empate e duas derrotas.

O Union fez o seu jogo reativo padrão buscando explorar os erros do adversário e foi presenteado com isso. Os ‘Potros’, por mais que tivessem mais a bola, pouco produziram ofensivamente. Com o desfalque de Thuram e a dupla de ataque (Stindl e Pléa) em um dia ruim, a missão ficou ainda mais difícil, principalmente se levarmos em conta que a equipe partiu atrás no placar e deixou os donos da casa confortáveis para realizarem seu tipo de jogo. 

WOLFSBURG 1 X 0 RB LEIPZIG

Gol: Roussilon (52’)

A partida mais aguardada da rodada acabou sendo também uma das mais decepcionantes. Wolfsburg e Leipzig tinham em seu plantel peças e variações para entregarem um grande jogo de futebol, no entanto, o que vimos foi duas equipes se anulando taticamente e uma partida mais disputada/brigada do que jogada em si.

Até por isso, quando Roussilon fez 1 a 0 aos sete minutos da segunda etapa, a sensação era de que aquele poderia ter sido o gol do jogo; e foi. 

Em um jogo sem muitas chances para ambos os lados e abaixo tecnicamente, quem agradeceu foi o Wolfsburg, que conseguiu sua terceira vitória consecutiva, manteve os 100% de aproveitamento e é líder isolado.

Os ‘Touros’, assim como na estreia, fizeram mais uma partida ruim com suas principais peças muito apagadas. Já são duas derrotas em três jogos na Bundesliga.

Standings provided by SofaScore LiveScore

SHARE